terça-feira, 14 de junho de 2011

Classificação dos Vinhos da Dica da Semana - Lidl

Cada semana que passa é mais um vinho de aproximadamente 1,50 € que é classificado com notas de prova entre 80 e 100 pontos pelo "painel de enólogos da APE*" no Jornal Dica da Semana. Os vinhos classificados estão à venda no Lidl, raras são as vezes em que os conheço ou ouvi falar deles e os adjectivos utilizados, sempre majorativos, andam sempre em redor de  algo como "Bom", "Muito Bom", "Qualidade Comprovada", "Perfeito", etc. Não quero ser desconfiado ou coisa que o valha, mas o facto é que qualidade a bom preço parece ser por ali mesmo e, por outro lado,  este painel de provas sótem acesso a coisas muito boas. Que grande filão por ali existe.
Gostaria de saber, de entre aqueles que normalmente fazem do Lidl a sua garrafeira de eleição ou de ocasião, se estas notas de prova são realmente ajustadas à realidade do vinho apresentado e estou a perder néctar divino atrás de néctar divino, ou se, pelo contrário devo continuar afastado de tal adega. Esta semana temos o "Uvas Douradas 2008 Tinto, de 1,59€, com 82 pontos em 100 possíveis. Perfeito para consumo imediato, mas que na nota de prova temos "taninos evidentes mas sem equilíbrio" ou "termina com ligeiro amargor" ou ainda "aroma característico da casta predominante, marcadamente vegetal, lembrando folha de videira". Desculpem se não me sinto atraído por este espécimen de grande relação qualidade /preço.

*APE-Associação Portuguesa de Enologia (indicado pelo Jornal)

6 comentários:

  1. Puro fazer render o peixe. Acredito que possa haver dentro desses preços vinhos menos maus. Não acredito que possam haver vinhos de 90 ou 92 valores como vi uma vez num vinho de 1,19€. Alguma coisa está mal.
    E sim. As notas de prova por vezes são algo contraditórias.
    É para vender. Quem paga é o Lidl. Iam dizer mal?

    ResponderEliminar
  2. beber o vinho Combatentes ajuda em cada 1,99€ com 0,25€ a liga dos combatentes, uma questão de patriotism....

    ResponderEliminar
  3. É verdade Ralf. Nesse caso o apelo é outro e até podia ser doado mais.

    ResponderEliminar
  4. Concordo plenamente com o Hugo Carvalho.
    Será que num vinho a rondar os €2,00, se pode encontrar tanta excelencia?
    Acho que deveriam ser mais comedidos nas notas de prova.

    ResponderEliminar
  5. Bairradino que vende vinhoquinta-feira, 21 julho, 2011

    O que é a APE (entidade que dá essa pontuação aos vinhos do LIDL)?
    A Associação Portuguesa de Enologia (APE) é uma associação cultural, sem fins lucrativos, independente de quaisquer objectivos políticos ou religiosos e representativa dos interesses dos profissionais da Enologia, cuja sede se situa no ISA (Região Demarcada de Lisboa :))

    Donde provêm a maioria dos vinhos LIDL?
    Empresas de engarrafamento que compram lotes de variados vinhos de baixa qualidade, que misturam e vendem para grandes/médias superfícies.
    Reparem que a garrafa geralmente não identifica o produtor, apenas o engarrafador.

    Como é feita a prova?
    O LIDL envia para a referida APE um lote de 6/7 marcas diferentes dos seus vinhos, para serem comparados entre si. De salientar que para este método de amostragem é enviado um vinho mesmo rasco e cuja finalidade é fazer subir o "ranking" aos outros.

    É esta uma das formas modernas de fabricar vinho a martelo.

    Refira-se ainda que estas pseudo-provas são pagas!!!!

    ResponderEliminar
  6. Mais uma achega. Mais informação para esta classificação sempre acima dos 80 pontos e sempre com vinho "Muito Bom"

    ResponderEliminar

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails