segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Joaquim Arnaud no Restaurante Escola Sarrazola House em Colares

Situada sobre duas colinas da Serra de Sintra, a Vila de Colares, sempre reconhecida como região de vinhos e de praias, como sendo morada do ponto mais ocidental da Europa e sempre ligada à história como existindo ainda antes do nascimento de Portugal, foi o palco ideal para um Jantar de Apresentação dos produtos de Joaquim Arnaud.

 A Escola de Hotelaria de Colares, que talvez poucos conheçam ou até passe despercebida quando de percorre a estrada para Almoçageme a partir de Colares, apresentou no seu Restaurante Escola Sarrazola House, com a cozinha a cargo do Chef Bruno Gaspar, uma ementa com base no presunto de vaca, chouriço, salsichão e presunto de porco preto de Joaquim Arnaud e harmonizada com os vinhos também do próprio. A inclusão também de algumas referâncias à região sintrense completaram uma noite que contou ainda com a apresentação em primeira mão de um vinho resultante da amizade e parceria com o produtor Tomás Vieira da Cruz.

Os produtos Joaquim Arnaud são feitos com tempo, sem pressas. Cada coisa tem o seu tempo. Cada coisa tem a sua história e o seu porquê. Não se trata de comer apenas por comer ou beber apenas por beber. A titulo de exemplo, na sua produção de porco preto alentejano estes vagueiam pelos campos, alimentando-se de bolota e caminhando de um lado para o outro. Apenas passados cerca de 2 anos serão então mortos e transformados nas mais variadas delicias apresentadas pelo produtor. É um voltar no tempo e é um prazer ouvi-lo contar o porque de cada produto, como nasceu e o que é quando nos chega à mesa. Um prazer ouvir o produtor e se acompanhados pelos produtos... melhor!

Consommé da Horta aromatizado, Crocante de Chouriço Joaquim Arnaud, Ovo de Codorniz e Charuto de Queijo com Chouriço Joaquim Arnaud harmonizado com o Vinho Arundel Young 2012 Tinto.

Tapas com produtos Joaquim Arnaud: Presunto de Vaca, Chouriço de Porco Preto e Presunto de Porco Alentejano numa ligação fantástica com o Alboroque 2012 branco, uma novidade resultante da ligação de Joquim Arnaud a Tomás Vieira da Cruz e que trás à mesa um vinho de aperitivo diferente em Portugal.

Filete de peixe sobre saladinha de três variedades de pimento (verde, vermelho, amarelo) e milho frito casado com um Chão RIJO 2012 branco. Um vinho da região e que aparece respondendo à regra da Escola de sempre ter um vinho da região de Colares nas suas ementas. Na minha opinião um ponto positivo embora pudesse ser um de chão de areia.

Duo de Vaca de Joaquim Arnaud com Presunto de Vaca e Estufado de Vaca.  A excelência do produto no prato com a excelência de um vinho que no nome já antecipa a experência de o beber: GREAT!

Lombinho de Porco Alentejano Joaquim Arnaud com Crumble de Salsichão Joaquim Arnaud, Cogumelos do Bosque e Chips de Batata-Doce conjungado com o Arundel 2009 Tinto. Ligação sóbria e acertada da carne de porco preto e um terroso do cogumelo ao perfil frutado e deste tinto de 2009, mas ainda cheio de juventude.

Trilogia de Queijada de Laranja, Torta de Laranja e Trufa de Pêra Rocha com redução de Moscatel de Setúbal Joaquim Arnaud 2011 ligada com o próprio Moscatel que recolhe novos adeptos sempre que provado.

Sem comentários:

Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails