segunda-feira, 26 de outubro de 2015

ECVSB 2015 | PROVA COMENTADA TINTOS DE BAGA, TINTOS COM CARÁCTER

A última das provas comentadas da edição deste ano do Encontro Com Vinhos e Sabores da Bairrada foi apresentada pelo João Afonso e teve como tema os Tintos de Baga, Tintos Com Carácter.
João Afonso iniciou esta prova com uma pequena contextualização da Baga na Bairrada. Baga de vinha velha, baga vinha nova e a afinidade da casta com o calcário e com o granito. Uma bela introdução para quem não tinha uma visão mais alargada acerca do tema e uma excelente preparação para a prova que se seguiria.

ALIANÇA  BAGA 2009 TINTO
Cor rubi de média concentração,  nuances violetas ainda jovens, aspecto limpo. Aromas intensos a fruta do bosque, fruta preta, toque de pinheiro,  alguma resina, barrica bem ligada, turfa fresca. Na boca está cheio de vida, taninos marcados, boa secura, corpolento, cheio de fruta e com a barrica completamente integrada. Final de boca persistente.

SIDÓNIO DE SOUSA BAGA GARRAFEIRA 2009 TINTO
Cor rubi de média concentração,  aspecto limpo. Nariz elegante,  com a intensidade correcta, fruta vermelha,  notas de bosque e alguma resina muito leves, fresco. Boca de uma dimensão extraordinária,  muito corpo, tanino seguro e no ponto, muito equilibrado, balsâmico,  vegetal, tem cá tudo o que se espera da baga.

NOSSA 2013 TINTO
Cor rubi, definido, de média concentração,  aspecto limpo. No nariz a fruta está envolvida e ligada de forma harmoniosa com as notas mais vegetais, de bosque fresco, de cedro, com resina muito fina. Boca jovem, pujante, a estalar de força,  com muita fruta fresca, barrica integrada, poderoso e para guardar, ou para beber já.

KOMPASSUS PRIVATE SELECTION 2011 TINTO
Cor rubi de média concentração, aberto, aspecto limpo. Nariz exuberante, fruta vermelha madura, com notas de compota, flores, perfil fresco, refrescante,  algum pinheiro, cedro, muito fresco. Na boca apresenta força, um pouco mais polido, mais redondo e pronto a beber, com fruta vermelha fresca, final longo.

LUÍS PATO VINHA BARROSA 2011 TINTO
Cor rubi definido de media concentração. Aromas com fruta vermelha intensa, com notas vegetais, um pouco de resina, bosque, cedro, muito fresco. Jovem de boca, taninos marcantes, ainda presença notória de vegetal. Tanto na boca como no nariz a barrica muito bem integrada.

QUINTA DAS BÁGEIRAS GARRAFEIRA 2009 TINTO
Cor rubi, notas mais granada, média concentração,  aspecto limpo. Nariz cheio de baga, fruta vermelha madura, equilibrado com notas frescas de bosque, tudo muito bem ligado e  com muita elegância. Boca cheia, com baga a mostrar uma expressão da fruta muito fresca, ligeiro adstringente, final longo.

QUINTA DA VACARIÇA GARRAFEIRA TONEL 23 2011 TINTO
Cor rubi, média concentração,  mais aberto no bordo do copo. Nariz cheio de fruta vermelha, baga marcada, bosque elegante, fresco. Grande expressão da baga na boca, a secar o palato, cheio de força,  pujança  e com um final poderoso. Para deixar na garrafeira.

GONÇALVES FARIA 2013 TINTO 
Cor rubi, violetas definidos, média concentração. Aromas mais elegantes, fruta vermelha madura, notas de cedro, fresco. Mais polido, redondo, fresco, ainda prova de barrica.

ENCONTRO BAGA 2009 TINTO
Cor rubi de média concentração,  aspecto limpo. Aromas fruta vermelha madura, a fruta sobre o vegetal, sobre as notas de bosque, boa frescura. Boca com a fruta vermelha madura, mais doce, mais redondo e polido, pronto a beber, macio, de final longo.

MESSIAS MÉTODO CLÁSSICO GARRAFEIRA 2010 TINTO
Cor rubi, com boa concentração no núcleo,  mais aberto no bordo do copo e de aspecto limpo. Nariz fruta vermelha madura, intensidade média,  compota, onde o resina aparece mais escondido. Na boca boa secura, perfil fruta vermelha mais adocicado, mais polido, com secura que marca, agarrasse à boca e não larga, bom comprimento final.

OUTRORA 2011 TINTO
Cor rubi média concentração,  com nuances violetas mais escuros e definidos, aspecto limpo. No nariz a fruta encontra-se mais exuberante, mais geleias,  com notas de bosque bem frescas, plano aromático muito envolvente e equilibrado. Na boca está musculado, seco, cheio de garra, com um vegetal sobressaído.

VADIO 2005 TINTO
Cor rubi, com ligeiras nuances acastanhadas,  alaranjado leve, aspecto limpo. Nariz com fruta muito jovem para o ano do vinho, bem ligada com as notas de bosque, cedro bem fresco, balsâmico,  muito fresco e harmonioso.
Pujante de boca, bruto,  seco, a encortiçar,  a puxar pela comida, com um conjunto cheio de finess, harmonioso, completo. Final longo e elegante.

Sem comentários:

Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails