sábado, 26 de outubro de 2013

TOP 10 | Sugestões e Dicas Para Aproveitar o Máximo Num Evento Vínico

A época dos eventos vínicos está à porta. Aliás, podemos mesmos afirmar que se iniciou com os Vinhos do Alentejo em Lisboa da passada semana, e até meados de dezembro será mesmo à média de mais de um por fim de semana. Portugal Wine Ladies, Wine in Azores, ECVS 2013, Mercado dos Vinhos Campo Pequeno, Addega Wine Market, Porto e Douro Wine Show e outros vão com certeza animar este final de ano.
No entanto, e tendo ocorrido apenas o Vinhos do Alentejo em Lisboa e o Portugal Wine Ladies, voltei a reparar em situações e comportamentos por parte de quem visita este tipo de eventos que podem ser diferentes para que se usufrua do evento na sua plenitude. Assim, e com toda a subjectividade que possa ter, elaborei um Top das situações que deve seguir... se bem entender, claro.

1. Coma qualquer coisa antes de ir para o evento. Criar uma cama para a quantidade de vinho que vai provar é essencial. Todavia também não é necessário empanturrar-se com uma feijoada ou cozido à portuguesa. Leve um daqueles packs de bolachas no bolso. Pode dar muito jeito.

2. Vá cedo para o evento. Evite assim a demora que ultimamente costuma acontecer em filas de entrada, na compra do copo, nos stands mais procurados e também a confusão dos momentos finais. Mesmo assim, não é necessário acampar à porta do evento desde a noite anterior.

3. Leve só o essencial. Máquina Fotográfica, Tablet, Caderno, Pastas, Casaco, Cachecol, etc. Para que precisa disto tudo? Resuma tudo ao mínimo. Quando estiver no evento vai perceber que trouxe consigo uma série de acessórios dos quais não necessita e atrapalham. Evite no entanto aparecer apenas de calção e chinelo.

4. Neste tipo de eventos o objectivo é provar vinhos e não bebe-los até cair para o lado. Não tenha mais olhos que barriga. As doses servidas são normalmente suficientes para provar o vinho que pretende. Não peça para encher o copo até cima.  Pode, no entanto, pedir mais um bocadinho se apenas lhe forem servidas umas gotas.

5. O evento é para todos. Se for com um grupo de amigos não monopolizem o stand de um produtor ou fiquem na conversa em frente ao mesmo bloqueando a passagem de outros interessados ou mesmo afastando-os com receio. Atenção! O mesmo se for sozinho.

6. Vai para um evento de vinhos. Não necessita de se encharcar em perfume, apenas vai incomodar quem realmente quer provar o vinho no seu todo. Fumar no recinto também está fora de questão. E já agora qualquer outro tipo de cheiros incomodativos.

7. Tem hipótese de se inscrever em pelo menos uma actividade paralela no evento? Não hesite. Inscreva-se. Normalmente aprende-se muito e não deve pensar que sabe tudo ou é demasiado importante para prescindir delas. Aqui sim, aproveite para beber, mas aqui do conhecimento que outros lhe vão passar.

8. Planifique a sua prova. Saiba ao que vai e mantenha o seu plano até ao fim. Em todo o caso, mesmo sabendo que acontecem sempre situações inesperadas, lembre-se de manter uma linha por tipo de vinho: espumantes, brancos, rosés, tintos e por fim fortificados. Claro que ninguém o proíbe de começar por um Vintage 2011 e de seguida provar um Espumante Bruto do ano . Mas a partir desse ponto acabou o sentido de prova.

9. Apesar de parecer pouco tempo, espere ficar pelo menos em média duas horas ou mais em pé, circulando de um stand para o outro e com muita companhia. Leve calçado confortável e evitem levar recém nascidos e carrinhos de bébé para os mesmos. Se levar o carrinho de bébé vazio é sempre uma hipótese para depois levar alguns dos vinhos que mais gostou e que costumam estar à venda em lojas do Evento e a preço de evento.

10. Por último, beba com moderação e ao sair, caso tenha de voltar para casa a conduzir faça o teste do balão. Alguns eventos já o disponibilizam no final do mesmo e pode mesmo comprar um kit para teste em alguns locais autorizados. Não deixe que uma grande noite se possa transformar num pesadelo.

Sem comentários:

Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails