sexta-feira, 2 de maio de 2014

BYOB, João Afonso e a Revista de Vinhos

Ainda não tinha tido a oportunidade de ler a Revista de Vinhos do mês de Abril e só ontem, num hiato de tempo entre a Apresentação do novo Vinho Verde João Portugal Ramos no Portugal Open e a jornada de futebol europeu do S.L.Benfica,  percorri eu de forma apressada cada uma das suas páginas.  
Travei a fundo na página 93, chamou-me à atenção o título do contra-corrente de João Afonso.  BYOB. Este termo, Bring Your Own Bottle, comummente utilizado para o acto de levar uma garrafa de casa para consumir num restaurante,  aplicou-o João Afonso ao jantares de amigos onde cada um fica de levar uma ou mais garrafas para serem bebidas nessa ocasião. E fê-lo de forma exemplar. Um texto com o qual concordo completamente desde o inicio até ao fim e tendo-me até revisto, por vezes, em algumas situações descritas.
Lembro-me bem, já alguns anos atrás no tempo, de levar ou abrir garrafas de vinho para um almoço ou jantar especial, vinho esse que havia escolhido com paixão e que raras vezes recebiam a atenção que esperava. Para quem bebia vinho este era apenas mais um e mais caro que o habitual, para outros a cerveja ou o refrigerante tomavam-lhe o lugar. De facto, uma desilusão. 
Todavia,  os anos mais recentes trouxeram mudanças neste particular, o número de enófilos aumentou e muito, e os jantares com BYOB tornaram-se o palco ideal para levar aquela garrafa especial, para mostrar um vinho que se tem como diferente e sobretudo para beber e falar acerca do vinho.
Diz João Afonso que "(...)Nada há de mais triste do que abrir uma garrafa de um grande vinho sem termos companhia para bebê-la. O que se pretende é partilhar e aplaudir a obra de arte(...)". E eu brindo a isso.

Sem comentários:

Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails