quarta-feira, 19 de março de 2014

A Primavera / Verão no Restaurante Flor-de-Lis do EPIC SANA Lisboa Hotel

A SANA Hotels lança durante este mês as novas cartas Primavera/ Verão. Os menus, preparados pelos Chefs de cada Restaurante, têm como objectivo não só o de mostrar o que trazem de novo à cozinha estas Estações, mas também proporcionar uma viagem gastronómica pelos sabores da cozinha tradicional portuguesa e das novas tendências internacionais.

No Flor-de-Lis, restaurante do EPIC SANA Lisboa Hotel, o Chef Patrick Lefeuvre assina a nova carta com pratos onde as notas mais frescas dos citrinos aparecem, onde os legumes frescos biológicos e cheios de cor são presença obrigatória e onde cada prato parece irradiar vida, luz e frescura de sabores.

Inicio de refeição com um trio de manteigas, sabor normal, pinã-colada e asiática (ostras com soja), com leveza e frescura que acompanharam um pão de tomate delicioso e sem dúvida o meu preferido desta casa. quanto às manteigas, sem dúvida a frescura e leveza da de pinã-colada.

De seguida, a primeira surpresa do Chef com um Amuse Bouche de Carpaccio de Novilho com Vinagrete de Nozes com uma apresentação deliciosa numa colher e um vinagrete limpo sem se sobrepor aos restantes ingredientes.

Mal refeitos desta surpresa, logo outra de seguida com mais um Amuse Bouche na forma de Espuma de Batata e Trufa com entremeada, Cogumelos Pleurotus e Chips de Batata Vitelotte leve, fresca e colorida.

Prosseguimos então para a entrada que teve tanto de sofisticado como de luxuoso para um inicio de refeição que ser marcante para a restante refeição. O Foie Gras Caramelizado, Ananás confit com Especiarias, Tártaro de Pato e folha de Ouro Branco e de Bronze, acompanhado com o Late Harvest da Herdade dos Grous 2010, sem dúvida que brilhou.

Para o primeiro prato principal da noite um Peixe-Galo, Lagostins Salteados e Ministrone de Legumes e Jus de Lagostins que no prato parecia uma obra de arte, com um equilíbrio de cores e de formas que lhe parecia transmitir movimento. O Ministrone de Legumes estava verdadeiramente viciante. Aquele citrino no molho, inesquecível. 

Após o Peixe, e um Sobert de Tangerina com Espuma de Lima para limpar a boca, a vez do prato de carne. Terrine de Leitão Crocante, Cromesqui de Topinanbourg e Legumes Biológicos da Quinta do Poial.  Ligação equilibrada do Leitão com os Legumes e ressalvando que a experiência poderia crescer mais um pouco caso o leitão e a couve estivessem mais estaladiços.

De seguida, mais uma surpresa do Chef com uma pré-sobremesa a preparar caminho. Gelado de Chocolate com Molho Inglês, Framboesa Fresca e Frutos Secos. Para muitos já uma sobremesa.

Por fim, e sem mais surpresas, a sobremesa. Creme de Queijo, Lima e Morangos Salteados em Mel e Manjericão com Crocante de Amêndoa, Folha e Aro de Framboesa e Gelado de Morango. Parece complicado, mas só no nome. Destaco aqui o aroma e sabor do gelado de morango. Uma autentica pérola de frescura.

Destaco ainda o serviço sempre atencioso, cuidado de toda a equipa do Restaurante Flor-de-Lis.

Sem comentários:

Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails